Contato

Venha nos fazer uma visita!!!

captcha

MENDES GOBBI ECO DESIGN
Rua Bento Gonçalves, 183. Sala 703
(Centro Executivo Pedro Xavier)
Centro | Florianópolis | SC | Brasil
Skype: mgecodesign
+55 48 3364.5177 | 9972.5177
ecodesign@mendesgobbi.com.br
Veja nossa localização no mapa:

fechar

Trabalhe conosco

captcha

MENDES GOBBI ECO DESIGN
Rua Bento Gonçalves, 183. Sala 703
(Centro Executivo Pedro Xavier)
Centro | Florianópolis | SC | Brasil
Skype: mgecodesign
+55 48 3364.5177 | 9972.5177
ecodesign@mendesgobbi.com.br
Veja nossa localização no mapa:

fechar

IDEIAS E SOLUÇÕES PARA
CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL.

Posts com a tag ‘energia’

  • Casa Sustentável | A casa em que nada se desperdiça

    Publicado em 20/07/2011 por | Nenhum comentário

    Quinta feira passada, às 13h15, o Jornal Hoje da Globo, mostrou uma reportagem sobre o Escritório Verde (construído pela Tecverde Enegenharia e parceiros) para a UTFPR [Universidade Tecnológica Federal do Paraná].

    Casa inteligente gera energia para eletrodomésticos e até para o carro | Na coluna de ciência e tecnologia ‘Você não sabia, mas já existe’, Márcio Gomes mostra a casa em que nada se desperdiça [segue link AQUI] [e o vídeo AQUI].


  • O que são Edifícios Verdes?

    Publicado em 26/04/2011 por | Nenhum comentário

    predios-sustentaveis-300x211

    Edifícios verdes são prédios que seguem determinados parâmetros e que têm uma preocupação toda especial com o meio ambiente em que estão inseridos e com a correta utilização dos recursos naturais necessários ao seu funcionamento e a correta destinação dos resíduos gerados por essa utilização. Assim, a preocupação com a eficiência e com a qualidade é sempre voltada para o mínimo impacto ambiental possível.

    O que começou como “uma onda militante” por parte dos ecologistas de “primeira hora” acabou chegando à mesa dos grandes empresários que perceberam que podiam adotar as práticas preconizadas para os edifícios verdes e ainda sim obter lucro com aquela “coisa nova”. A economia gerada com a redução do consumo de água e de energia elétrica compensava de longe os gastos necessários para a conversão dos prédios já existentes ou da construção de novos prédios exclusivamente projetados para serem assim.

    Veja mais »


  • O que é radiestesia?

    Publicado em 19/03/2010 por | Nenhum comentário

    Embora a sua prática tenha acompanhado o homem ao longo da história, segundo alguns pesquisadores, existem desenhos pré-históricos esculpidos em cavernas, de “varas de comando” utilizadas na procura da caça, em relatos bíblicos, como o brotar água das pedras conseguido por Moisés no deserto, utilizando o Dorje (bastão conhecido pelos egípcios), até aos rabdomantes, que utilizavam a vareta de prospecção na idade Média e Renascentista, para procurar veios de água e minerais do subsolo.

    A palavra radiestesia foi criada apenas em 1892, pelo Abade Bouly. Provém da combinação dos termos RADIUS (latino) que significa radiação e AISTHESIS (grego) que significa sensibilidade, e permite-nos entender o seu significado como a “sensibilidade de um indivíduo para a detecção e utilização das radiações”.

    Tudo o que existe e tem forma (vivo ou não), vibra com frequência própria, produzindo os mais variados tipos de radiação (energia irradiada a partir de um ponto).

    Veja mais »


  • Os verdadeiros impactos da construção civil | Energia e Água

    Publicado em 05/03/2010 por | Nenhum comentário

    Agora o texto é sobre… ENERGIA E ÁGUA

    “Hoje, aproximadamente 40% da energia mundial são consumidas pelos edifícios”, diz Scillag, explicando que o consumo energético nas edificações ocorre em dois momentos. Na etapa pré-operacional ou de energia embutida, aquela da extração e fabricação de materiais, do transporte até a obra e da construção do edifício. “Porém, a etapa em que a edificação mais consome energia é durante sua ocupação, em manutenção e demolição”, diz. O consumo de energia é diferente dependendo do setor – comercial, público ou residencial. O consumo de energia elétrica do setor residencial no Brasil é o mesmo que o consumo somado do setor público e comercial.

    Essa é uma das maiores oportunidades para construção civil mundial no combate as mudanças climáticas. No Brasil, por exemplo, as edificações consomem anualmente 44% do total de energia elétrica do País. O caminho para alcançar a eficiência energética é o investimento em projetos bioclimáticos com uso, quando possível, de energias renováveis”, recomenda. Com o  uso racional de recursos é possível reduzir entre 30% e 40% o consumo de energia e de água.

    Veja mais »


  • Vamos construir um mundo mais sustentável?

    Publicado em 11/09/2009 por | Nenhum comentário

    A proposta deste blog é levar ao público notícias, opiniões, novidades, artigos e matérias que contribuam para o objetivo de transformar nossa paisagem urbana em uma figura menos agressiva ao meio ambiente, mais em sintonia com a natureza, causando um menor impacto destrutivo ao planeta e, ao mesmo tempo, de custo acessível, o que resume nosso conceito de sustentabilidade.

    Acreditamos que a arquitetura, a construção civil e as novas técnicas de geração e conservação de energia podem têm um papel principal nesta empreitada.

    Nós, como sociedade civil, temos um papel mobilizador não apenas na participação política em associações de bairro ou assembléias, mas também, como consumidores, onde podemos exigir produtos mais sustentáveis e apoiar com nossas compras aquelas empresas que trouxerem propostas positivas e construtivas para um mundo mais limpo e sustentável!

    Se você quiser ser um parceiro desta iniciativa, deixe um comentário!



© 2014 Mendes Gobbi Eco Design. Todos os direitos reservados.